Corroios: 218 079 455 / 969 641 412 - Lisboa: 215 813 418 / 912 738 413 - geral@if-veterinarios.pt
Select Page

Uma das situações mais frustrantes para os tutores é encontrar uma surpresa, na forma de uma poça de xixi, deixada pelo patudo no chão de casa. Mas é um facto da vida que, em dado momento, o seu adorado patudo irá urinar em casa. Até o mais bem treinado dos patudos pode ter um acidente (ou fazê-lo de propósito). Leia em seguida quais são sete das razões mais comuns pelas quais o seu cão pode fazer xixi em casa e o que pode fazer para o evitar.

1. Xixi por excitação

Vamos começar pela excitação, porque apesar de muitos cães ultrapassarem este tipo de conduta quando deixam de ser cachorrinhos, a verdade é que muitos nunca conseguem abandonar este comportamento. Há muitos patudos que, mal ouvem as chaves a girar na porta de casa, ficam imediatamente excitados. Quando vêem o tutor começam com a pequena dança, a abanarem-se de felicidade e excitação. E, a seguir, lá vem uma poça de urina! No entanto, é possível arranjar um “antídoto” que em muitos casos, pode passar por, após entrarmos em casa, nos dirigirmos ao patudo num tom de voz neutro, ou evitando mesmo falar para ele nos momentos iniciais. Seguidamente, é levar o patudo de imediato à rua para que ele se possa “aliviar”. Na rua, após ter feito as suas necessidades devemos então começar a dar-lhe mimos, louvando-o e dando-lhe, por exemplo, um biscoito!

2. Quando ainda não estão treinados

Durante o período de treino do cachorrinho, pode certamente esperar que aconteça um acidente… ou dois… ou três … ou quatro. Quando adota um novo pequeno patudo ele ainda não tem controlo sobre a bexiga, não sabe como comunicar-lhe a necessidade urgente de urinar, e não tem sequer a mínima ideia de que é necessário “ir lá fora” para se aliviar. Por esse(s) motivo(s), cabe ao tutor perceber e saber ler os sinais de alerta indicadores e começar a desenvolver um horário/sistema de comer e ir à rua.

3. Marcação Territorial

O seu cachorrinho gosta de levantar a peta e fazer um pouco de xixi aqui e ali? Se a sua resposta é positiva, significa que ele está a marcar território. Quando os cães o fazem na rua, normalmente nem damos grande importância ao facto.Mas quando o patudinho começa a “marcar” um sofá ou a perna de uma estimada mesa, começamos a ficar preocupados e ansiosos. No entanto, se bem que este seja um comportamento frustrante para nós, os nossos companheiros caninos apenas estão a reclamar algo como sendo deles. Estão a marcar o que consideram ser deles. Pode mesmo acontecer na casa de outras pessoas, se estivermos de visita e nosso patudo cheirar que alguém já “marcou” ali território antes deles. E é importante saber o seguinte: não são apenas machos que marcam território com urina. É verdade, as fêmeas também o fazem!

Como Acabar com o Comportamento de Marcação

  • A maior percentagem de “marcadores com urina” são machos e fêmeas inteiros. A esterilização e castração logo que seja possível, podem evitar este problema – ou, no mínimo, fazer decrescer a respetiva frequência.
  • Se o seu patudo já fez marcações em casa, deve limpar e desinfetar profundamente o local, de forma a que nada fique, nem o mais pequeno odor, que ele possa cheirar. Clique aqui para um rápido guia passo-a-passo sobre como limpar eficazmente a urina do seu patudo.
  • Enquanto está a tentar que o seu patudo abandone este hábito deve mantê-lo sempre sob controle e à sua vista. Caso não consiga estar a observá-lo permanentemente deve confinamentos-lo num espaço delimitado de onde ele não se possa deslocar para outras áreas da sua casa. Uma pequena cerca, por exemplo, poderá resultar dependendo da dimensão do patudo.
  • Caso em sua casa haja vários patudos, deve mantê-los sincronizados ao fazerem as respetivas necessidades, de forma a que não se sintam ameaçados uns pelos outros, nem entrem em competição entre eles.

4. Incontinência

Subitamente, o seu patudo, apesar de já ter sido educado, deixa de conseguir conter-se? Se o seu cão subitamente começar a urinar por toda a casa ou mesmo urinar na sua cama, isso pode significar está incontinente o que requer uma visita ao seu veterinário. O seu patudo terá que ser submetido a uma avaliação médica, com vista a determinar qual a causa do problema. O tratamento irá depender das causas daquela conduta.

5. Questões Médicas

Como foi referido anteriormente, caso o seu patudo já anteriormente treinado, começar a urinar em casa, uma visita à sua clínica veterinária, deve ser agendada o mais rapidamente possível. O seu médico-veterinário irá realizar os testes necessários com vista a determinar se o seu patudo tem, por exemplo, uma infeção urinária, problemas nos rins, ou qualquer outro problema médico. De qualquer forma, qualquer alteração no seu patudo, quer seja em termos de comportamento, quer seja em termos de saúde, justifica sempre uma visita ao seu médico-veterinário.

6. Stress

Situações de stress podem conduzir a ansiedade. Algo tão simples como sair subitamente de casa, para ir ao supermercado buscar qualquer coisa que necessitamos, deixando o nosso patudo em casa, pode causar ansiedade devido à separaçãosúbita e não rotineira, em alguns cães. Alterações no estilo de vida, tal como uma mudança de casa, adotar um novo patudo, o nascimento de um bébé, ou deixar o seu patudo em casa fora da rotina, são algumas das coisas que podem levar ao aparecimento de stress e ansiedade. Qualquer uma destas situações podem levar o seu patudo a, subitamente, começar a urinar (ou mesmo defecar) em casa.

7. Mudanças na Rotina do seu Patudo

Os cães adoram rotinas e consistência no seu dia-a-dia. Mas a questão é exatamente essa: uma rotina diária só resulta se nós a mantivermos! Se o seu sempre bem comportado e treinado patudo, de repente começa a urinar em casa, pode suceder que seja porque a rotina não foi seguida e ele, simplesmente, não consiga aguentar mais. Pense:

  • Está mais tempo no trabalho, deixando o seu patudo em casa mais tempo que o habitual?
  • Alterou o seu horário de alimentação?
  • Diminuiu o tempo de passeio porque passou a ter uma agenda mais complicada, quer em termos sociais, quer laborais?

Finalmente

Se o seu patudo começou a fazer xixi em casa, reflita um pouco e tente entender porquê. Logo que entenda, poderá começar a trabalhar numa solução. Não se enerve, nem grite com o seu patudo – isso só tornará as coisas piores. Se vier a descobrir que o seu patudo tem um problema de saúde que não pode ser tratado, pode sempre recorrer por exemplo, a fraldas para cães. Elas encontram-se disponíveis num grande número de lojas com artigos para animais e, em último análise, caso tenha algum jeito, podem ser feitas por si próprio.

 

Se tiver dúvidas ou pretender mais esclarecimentos, marque uma visita à nossa Clínica Veterinária PetDoctors, na Rua Abílio Mendes, 24 A, 1500-473 Lisboa, junto ao Hospital dos Lusíadas em Benfica.